Cartórios Eleitorais de todo o estado mobilizam-se para as eleições dos Conselhos Tutelares

Foi prestado apoio técnico na votação eletrônica e na totalização

TRE-CE eleição Conselho tutelar

Foram realizadas neste domingo, 6/10, em todos os 184 municípios do estado do Ceará, as eleições para conselheiros tutelares com a utilização de urnas eletrônicas. Servidores da Secretaria do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará e dos Cartórios Eleitorais de Fortaleza e do interior prestaram apoio técnico na votação e na totalização.

Em Fortaleza, dos 1.777.258 eleitores aptos, compareceram 130.934 votantes, o equivalente a 7,37% do total. Os dados dos demais municípios serão conhecidos apenas após a consolidação das informações, que será feita no decorrer desta semana.

Competência

As eleições para Conselho Tutelar são de competência dos Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente, que instituem comissões eleitorais para condução dos trabalhos. A Justiça Eleitoral contribui com o processo por meio do serviço de empréstimo de urnas eletrônicas. O projeto, iniciado em fevereiro deste ano, é composto por diversas etapas, como treinamento das comissões eleitorais, recebimento e inserção dos dados em sistemas específicos, geração de mídias, conferência das eleições, verificação de fotos, carga e entrega das urnas eletrônicas e preparação e impressão de todos os relatórios, as quais foram executadas pela força-tarefa constituída por 19 servidores do TRE-CE.

Nestas eleições, assim como em todas as outras feitas com serviço de empréstimos de urnas eletrônicas, as próprias comissões eleitorais repassam os dados que devem constar nas urnas eletrônicas. A distribuição dos eleitores foi feita por essa comissão, que promoveu grandes agregações, para diminuir a quantidade de seções. O TRE não teve nenhuma ingerência na distribuição do eleitorado.

As comissões de todos os 184 municípios receberam treinamento, em Fortaleza, pelo TRE e, nessa ocasião, foi informado que poderiam ser inseridos até cinco mil eleitores por seção. Mas coube à comissão verificar, de acordo com o comparecimento na última eleição de 2015, a quantidade mais adequada para cada seção.

Logística

Cerca de 12.000 mesários, convocados pelas comissões eleitorais, foram treinados para operação das urnas pelos cartórios eleitorais, no interior, e por multiplicadores treinados pela Seção de Capacitação, na capital. Foram utilizadas 805 urnas de treinamento na atividade.

Estavam aptos a votar, em todos os municípios, 6.363.205 eleitores, distribuídos em 3.369 urnas de seção. O TRE reservou 1.145 urnas para sanar eventuais problemas no decorrer da votação.

Últimas notícias postadas

Recentes