Mesários do Ceará começam a ser treinados para as Eleições 2014

Mesários de Fortaleza em treinamento de urnas 2014
Mesários manuseiam a urna eletrônica

Divididos em 7 turmas, 1.400 mesários da 112ª Zona Eleitoral de Fortaleza, participaram neste final de semana, 30 e 31/8, no Colégio Odilon Braveza, do treinamento para as Eleições 2014. O primeiro grupo capacitado no Ceará faz parte dos 79.786 mesários que atuarão no pleito de outubro, e receberão os 6.271.554 eleitores do Estado.

A juíza eleitoral da 112ª Zona, Maria Regina Oliveira Câmara, recepcionou os mesários e agradeceu pela colaboração de todos. A magistrada ressaltou a importância de exercitarem o bom senso e a harmonia na seção eleitoral: “Isso é primordial para que os trabalhos corram sem problemas”.

O treinamento foi dividido em parte teórica e prática. Cada turma assistiu a 2 horas de aula.

No primeiro momento, teórico, foi apresentado vídeo de treinamento, elaborado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com informações sobre a função de presidente de mesa, 1º e 2º mesários e secretário. O vídeo mostrou ainda procedimentos necessários para o bom andamento da votação, especialmente o início e encerramento.

O chefe de cartório da 112ª Zona Eleitoral, Eduardo Figueiredo, transmitiu aos mesários informações sobre o vale postal (ajuda de custo no valor de 21 reais), novidades nos cadernos de votação e necessidade do correto preenchimento da ata da eleição.

É chegado o momento de manusear a urna eletrônica, a parte preferida de Guiomar Cardoso. A professora é mesária há duas eleições e ficou atenta a cada detalhe. Para ela, “o treinamento é importante, porque no dia da votação a gente fica mais seguro no que está fazendo”.

Os instrutores demonstraram, com a participação dos mesários, os procedimentos a serem adotados na seção eleitoral. Inicialmente, explicaram que é necessária a colocação da urna em local seguro e sem barreiras, para garantir que pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida não tenham dificuldade para votar. Após, deve ser impressa a zerésima (documento que garante não haver votos registrados na urna).

A votação é iniciada às 8 horas, até 17 horas. Os mesários devem saber como proceder desde a organização da fila até a recepção dos votos, justificativas eleitorais e habilitação de eleitor com deficiência visual para uso de fone de ouvido. Na conclusão dos trabalhos, os mesários imprimem os boletins de urna e guardam o material a ser enviado à Junta Eleitoral.

São tantas informações que Ana Adélia presta muita atenção, mesmo sendo mesária há 9 eleições. “O treinamento é indispensável para que a eleição seja tranquila, mas deverá ser demorada, porque, este ano, cada eleitor vai votar em 5 candidatos”.

No final do treinamento, os mesários ganharam lanche (guaraná, bolinho e bolacha) e cartilhas para consultas, mas o que ganham mesmo é o sentimento de que estão participando de um ato de cidadania.

No treinamento, foi divulgada a iniciativa do Tribunal Superior Eleitoral em treinar mesários via ensino à distância. É o projeto Mesários na Internet. Para o TRE do Ceará foram destinadas 1.000 vagas, distribuídas entre as 13 zonas eleitorais de Fortaleza.

Do dia 1º de setembro a 4 de outubro, os mesários interessados podem fazer a inscrição e realizar o curso, em plataforma virtual interativa, desenvolvida pelo TSE, que não dispensa o curso presencial, e servirá de complemento para deixar o mesário ainda mais preparado.

Últimas notícias postadas

Recentes