EJE realiza reunião virtual sobre a próxima edição da Revista Suffragium

A revista encontra-se em vias de publicação de suas novas edições, em formato exclusivamente virtual, contando nesta oportunidade com uma quantidade significativa de artigos submetidos à edição

TRE-CE reunião Revista Suffagium

Na última quinta-feira, 23/07, o diretor da Escola Judiciária Eleitoral, juiz Roberto Viana, e o professor dr. Martônio Mont’Alverne, editor-adjunto da Suffragium - Revista do Tribunal Regional Eleitora do Ceará,  reuniram alguns servidores da EJE, de modo virtual, através da plataforma Zoom, para tratar assuntos relacionados à Revista Suffragium. Participaram da reunião arregimentada pela COEJE, além da coordenadora da Escola, Águeda Gurgel,  Sabrina Pierre (Chefe da SEPLA), Nágila Amorim (Chefe da SEDIT), Jean Barbosa (Chefe da SEBIM), Juliana Barboza e Marise Evangelista.

Após o estímulo institucional dado pelos membros internos e externos da revista, por meio de uma força-tarefa que contou com a colaboração de toda a Escola (COEJE, SEPLA, SEDIT e SEBIM), além dos professores editores que envidaram esforços na divulgação para captação de novos trabalhos inéditos no ambiente acadêmico nacional e internacional. A  revista encontra-se em vias de publicação de suas novas edições, em formato exclusivamente virtual, contando nesta oportunidade  com uma quantidade significativa de artigos submetidos à edição.

Ficou acertado que será solicitado um treinamento direcionado a todos os servidores da EJE acerca do manuseio da plataforma LEPIDUS, a qual vem sendo utilizada para registrar todos os fluxos e anotações inerentes às publicações da Suffragium.

O diretor da Escola, juiz Roberto Viana, agradeceu o empenho de todos os servidores e integrantes, em especial ao editor-adjunto, dr. Martônio Mont'Alverne, destacando a importância do trabalho, por ele e pela também editora-adjunta, profa. dra. Raquel Machado, realizado para publicação da revista, com vistas a ampliação do conhecimento jurídico pelos estudiosos do direito,  servidores, magistrados, promotores do Tribunal, a qual se propõe ao incentivo da sociedade à pesquisa em direito e processo eleitoral, cumprindo, sobretudo, com uma das missões da EJE, qual seja, o papel de estímulo à educação cidadã.

Ressaltou, ao final, que "os novos tempos impuseram desafios antes inimagináveis e que os servidores da Escola vêm demonstrando, a cada dia, o compromisso com a instituição, trabalhando bem em equipe, superando, inclusive, as adversidades exigidas pelo uso da tecnologia e das redes sociais, tanto para execução das atividades quanto para divulgação dos trabalhos realizados", concluiu o diretor da EJE, juiz Roberto Viana.

 

Com informações da EJE

#PraTodosVerem: Ilustração com fundo preto, contendo mosaico com imagens dos participantes da reunião. Todos os servidores estão sorrindo. Na parte superior, à esquerda, a coordenadora da EJE, Águeda Gurgel, e, logo abaixo da imagem da coordenadora, a foto do juiz Roberto Viana.

Últimas notícias postadas

Recentes